13º Congresso Cearense de Pediatria

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

SINDROME DE MUNCHAUSEN POR PROCURAÇAO EM GESTORA DE PACIENTE INTERNADO NO ISOLAMENTO PEDIATRICO: UM RELATO DE CASO.

Introdução

A síndrome de munchausen por procuração (SMPP) é uma condição psiquiátrica na qual há invenção ou produção intencional de sinais ou sintomas de doenças, muitas vezes, pela gestora. Lactentes e crianças jovens são frequentemente submetidos a esse comportamento abusivo e expostos a internações e procedimentos médicos desnecessários.

Objetivos

Relatar um caso de escolar com febre de origem obscura e sua gestora com diagnóstico de SMPP.

Relato do caso

F.V.S.F, 9 anos, feminino, admitida com história de febre alta há 4 meses, com uso de antibiótico prolongado sem resolução. Foi internada, previamente, em outros dois hospitais por febre de origem obscura. Sempre acompanhada da genitora, referindo mais de 10 internações desde o nascimento para, principalmente, pneumonia, sinusite, além de tuberculose pulmonar. Apresenta diagnóstico de síndrome do espectro autista e retardo mental, desde início de 2019. Ao exame físico, apresentou-se em estado geral regular, dispneica, febre de 40ºC, com roncos difusos na ausculta pulmonar. Durante admissão, foi internada no setor de isolamento e estava em uso de Depakene, Risperidona e sintomáticos. Atualmente, encontra-se estável, deambulando ativamente e com comportamento agressivo, picos febris não característicos, tosse persistente e em uso de Valproato, Berotec, Profenid e Otosynalar. Realizou-se ultrassonografia abdominal, tomografia dos seios paranasais, radiografia torácica e exames laboratoriais, sem alterações significativas. Psiquiatra constatou Transtorno Factício e negligência materna sendo confirmada pela avó. Posteriormente, genitora foi flagrada, pelas enfermeiras, aquecendo o termômetro para simular a febre.

Discussão

A SMPP é uma doença de exclusão. Ela oferece risco de comprometimento escolar, físico e psicológico na infância, à custa de algum potencial benefício para o portador.

Conclusões

Portanto, deve-se sempre investigar casos de doenças sem elucidação diagnóstica, levando em consideração essa síndrome, a fim de evitar danos potenciais ao desenvolvimento da criança.

Palavras-chave (máximo 5, de acordo com o DeSC)

Munchausen. Febre. Pediatria.

Área

Pediatria do Desenvolvimento e Comportamento

Autores

Bárbara Calisto Campos, Tatiana Pinheiro Dantas, Ricardo Moreira Matos, Marina de Sousa Guedes, Karine Estéfane Gonçalves, Daniela Barreto Marasini