13º Congresso Cearense de Pediatria

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

EXPERIENCIA DE DISCENTES DO CURSO DE MEDICINA NO ACOMPANHAMENTO DE CONSULTAS DE PUERICULTURA EM UMA UNIDADE BASICA DE SAUDE EM FORTALEZA, CEARA.

Introdução

O ensino baseado em uma metodologia ativa, baseado no acompanhamento longitudinal proposto pela Atenção Primária à Saúde (APS), são de suma importância para a prática médica baseada em uma boa relação médico-paciente.

Objetivos

Descrever a experiência de discentes do curso de Medicina de uma Instituição de Ensino Superior (IES) em Fortaleza, Ceará sobre o acompanhamento de consultas de puericultura.

Relato de Experiência

Seis alunos do curso de Medicina, acompanhados por uma preceptora, participaram de três turnos de puericultura em uma unidade de saúde. No primeiro turno, atenderam-se 3 lactentes, um de 9 meses, um de 3 meses e 1 de mês. Foram testados os principais reflexos do recém-nascido: reflexo de preensão palmar, sinal de Babinski, reflexo de sucção (lactente de 1 mês), reflexo da preensão plantar e reflexo de Moro (nos lactentes de 1 e 3 meses). Ademais, foi avaliado o calendário vacinal de acordo com o Ministério da Saúde e orientado à mãe sobre cuidados domésticos, evitando que, durante o desenvolvimento neuropsicomotor, o lactente machuque-se. Além disso, também foi perguntado acerca da época de aparecimento de balbucios, época de engatinhar, época de rolamento, etc. Outrossim, foi orientado acerca de hábitos alimentares a partir do sexto mês, após a amamentação materna exclusiva, para o uso de frutas amassadas, papa salgada e, posteriormente, papa doce.

Reflexão sobre a experiência

A importância dos cuidados com o lactente, bem como o exame físico e uma boa exploração da História da Doença Atual (HDA) possibilitaram que os estudantes obtivessem prática aliada a teoria.

Conclusões ou recomendações

Em suma, o contato com a consulta e com o paciente desde o primeiro semestre de Medicina por estudantes, possibilita que eles tenham uma metanoia, sobretudo em relação aos estigmas que são enraizados sobre a APS, e favorecem, no aluno, o
desenvolvimento de potencialidades que devem ser inerentes ao futuro médico.

Palavras-chave (máximo 5, de acordo como DeSC)

Cuidado da criança, Centros de Saúde, centros médicos acadêmicos, criança, consultórios médicos.

Área

Pediatria do Desenvolvimento e Comportamento

Autores

LUIZ VALÉRIO COSTA VASCONCELOS, IGOR QUEZADO ARAÚJO DE ANDRADE, JOHN KENNEDY TORRES DE ALENCAR, FERNANDO PARAHYBA DIOGO DE SIQUEIRA, LEONARDO BARROS BASTOS, MÁRCIA GOMES MARINHEIRO COELHO